Aos amigos, um lar digno!

liberosocial-cachorro

  Há quem diga que os animais são como pessoas, mas não falam como nós, nem tem hábitos iguais aos nossos. É assim, que eu penso sobre os animais. Seres vivos espetaculares, que infelizmente perambulam pelas ruas deste País, sendo suscetíveis aos perigos da vida, muitos deles causados por nós os seres humanos.

 

  A Débora Spitzcovsky, do site Planeta Sustentável levantou uma questão muito importante: duas grandes redes de pet shop do Canadá, a PJ’s Pets e a Pets Unlimited suspenderam a venda de filhotes de cães e gatos em todas as suas lojas.

 

Clique em Curtir na Fan Box ao lado ->
Cique aqui e nos siga no Twitter

 

  Segundo a matéria a intenção das marcas, ao abrir mão de uma das atividades mais rentáveis nas lojas de animais é incentivar a adoção dos incontáveis animais que vivem em abrigos ou mesmo nas ruas, à espera de um dono.

 

  Em São Paulo, há uma iniciativa parecida como esta, e que está dando muito certo. Em um Pet Shop de Pinheiros e outro nos Jardins, na cidade São Paulo, que decidaram parar de vender animais e faturar com os acessórios, além de manter a receita, ainda ajudam a tirar os bichinhos da rua. A rentabilidade dos pet shops com a venda de animais pode, com certeza ser superada pela venda de acessórios para os cães e gatos adotados.

 

   Saiba como ajudar os animais!

 

  Se você quiser fazer parte dessa luta, já ajuda muito não comprando animais de estimação. Essa é uma prática muito comum, mas que pode fazer com que milhares de cães e gatos permaneçam nas ruas, passando fome, frio, e morrendo, com um sofrimento que já mais podemos imaginar.

 

Faça sua parte. Não deixe que animais sejam abandonados por aí.

 

Acesse aqui para mais informações.

 

Até a próxima!

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA