Bombardeados pela violência!

Este post foi escrito por Fernanda Oliveira uma das colaoradoras do Libero Social.

 

violencia  A todo o momento, os noticiários nos bombardeiam com os atos de violência praticados pelas pessoas. Você já viu algum dia o Jornal Nacional não mostrar informações sobre roubos, assassinatos, guerras…? Eu particularmente nunca vi! 

 

  Se pensarmos na história do homem, sempre houve violência, seja nas guerras ou crimes comuns. Com o tempo foram sendo estabelecidas regras pela sociedade, e as condutas de violência, que não eram punidas, passaram a ser tratadas com rigor. Foi então que deixou de prevalecer a lei do mais forte.

 

  Mudamos sim, não há o que discutir, porém, com o nosso maior conhecimento, já não toleramos os erros, estamos cansados, queremos que as leis sejam cumpridas. Apesar de termos evoluído em relação ao sistema penal, as leis existentes em nosso país não são fidedignas com a realidade. Com isso a “bandidagem continua solta”.

 

  Existem filmes que demonstram de certa forma, o retrato da violência na sociedade, como no caso de Tropa de Elite. Apesar de considerá-lo violento, mostra fundamentalmente a lei de agir e reagir, e essa é a que muitas vezes predomina em nossa sociedade.

 

  

 

  O filme demonstra a “tal” da reação ao extremo, ou seja, fazer a justiça com as próprias mãos. Além disso, neste sentimento de violência, existe a impunidade, intolerância e raiva, todos eles unidos, ruem para o abismo da população.

 

  Será que apesar de termos regras, as pessoas conseguem cumpri-las?

 

  Ainda não, muito terá de ser feito: na educação, nos valores, nos atos. É preciso até mudar o pensamento. Mas tolerar a crueldade, acredito que jamais, pois então viveremos com medo, até o dia que as regras sejam cumpridas e aí sim teremos paz.

 

 

– A cada 13 minutos um brasileiro é assassinado;

– A cada 7 horas uma pessoa é vítima de acidente com arma de fogo no Brasil;

– As armas de fogo provocam um custo ao Sistema Único de Saúde (SUS) de mais de R$200 milhões;

– No Brasil se mata dolosamente (intencionalmente), em média, o equivalente a 46.565 vítimas por ano

– De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), o Brasil está no nível de violência epidêmica.

 

Fonte: Organização Mundial de Saúde (OMS) e Instituto Sangari

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA