Biquíni eletrônico

Criado pelos estilistas Jennifer Shannon e Cheung Andi, esta curiosa peça de roupa ao lado, foi desenvolvida com vários componentes eletrônicos, que tinham o lixo como destino, mas foram reutilizados para fabricar este estranho biquíni.

 Shannon e Andi, desenvolveram o modelo para abordar um assunto que é pouco discutido no mundo atual: o pequeno número de mulheres que estão trabalhando na área de tecnologia.

Claro, muito dificilmente você verá alguma mulher usando tal apetrecho nas praias pelo mundo, mas isso é o que menos importa para os estilistas. A intenção é usar a moda para que mais mulheres se interessem em trabalhar no mercado de tecnologia. 

As empresas tecnológicas ao redor do mundo, ainda não descobriram uma forma de incluir mais meninas no quadro de funcionários. E, solucionar este problema, não é uma tarefa tão simples. Quando ainda estão na escola, grande parte das mulheres não gosta de matérias que envolvam números, como por exemplo, a matemática, e continuam a rejeitar na profissão que escolhem.

Aliás, este problema não acontece somente com o público feminino, muitos homens não se dão bem com a área de exatas e acabam por escolher outro tipo de profissão.

E ai meninas, vocês iriam para a praia com este biquíni?

A peça em si é instigante, talvez você goste ou não. O mais importante é estar aberto para a interpretação que o trabalho gera, isto é, questionar o papel das mulheres na indústria de tecnologia.

Será que essa ideia de investir em um conceito mais fashion pode ser a saída?

A resposta está com as mulheres!

Até a próxima!

Referência Tree Hugger

 

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA