Energia renovável recebe investimento recorde em 2011

De acordo com um relatório divulgado mês passado pela Organização das Nações Unidas (ONU), os investimentos globais em energias renováveis atingiram um recorde de 257 bilhões de dólares em 2011. A grande campeã foi a energia solar que atraiu mais da metade das despesas, cerca de 147 bilhões.

A China foi responsável por quase um quinto do volume total de investimento, gastando 52 bilhões de dólares em energia renovável no ano passado. Os Estados Unidos vem logo atrás, com investimentos de 51 bilhões. Alemanha, Itália e Índia completam o top cinco.

Os investimentos em energias renováveis no Brasil, atingiram 7 bilhões em 2011, com crescimento de 8% em relação ao ano anterior. De acordo com o relatório, a energia eólica concentrou 71,4% (US$ 5 bilhões) das aplicações.

A ONU espera que os países se comprometam cada vez mais com os investimentos nesse setor. Em 2010, apenas 16,7% do consumo global de energia vinham de fontes renováveis. Por comparação, mais de 80% da energia elétrica consumida em todo o mundo ainda vem de combustíveis fósseis.

O investimento em diferentes fontes de energia é essencial para Brasil. Em 2002 o país sofreu com um racionamento que afetou o fornecimento e distribuição de energia elétrica. A chamada crise do apagão foi causada principalmente pela falta de chuvas e planejamento por parte do governo federal.

Depender somente das hidrelétricas é, literalmente, chover no molhado.

Até a próxima!

Referência  Huffington Post

                        Valor

 

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA