Você já ouviu falar sobre a Economia Azul?

A Economia Azul é um novo conceito de pensar nos negócios. Sua principal base é a natureza, mais especificamente o funcionamento dos ecossistemas. Esse novo modelo foi criado pelo empresário belga, Günter Pauli, depois de relatar sua experiência de 15 anos e mais de 50 projetos de sucesso em todo o mundo no livro “A Economia Azul: 10 anos – 100 inovações – 100 milhões de emprego”.

Esse novo pensamento foi criado a partir de um projeto para encontrar os 100 melhores projetos, inspirados em tecnologias que poderiam afetar as economias do mundo, pensando de forma sustentável as necessidades humanas básicas, como água potável, alimentos, empregos e moradia.

Dessa maneira, foram encontrados pelo belga, 340 inovações que poderiam ser agrupados em sistemas que funcionam igualmente aos ecossistemas. Essas inovações foram revisadas por um grupo de estrategistas corporativos, financeiros e especialistas formuladores de políticas públicas.

Na prática, um exemplo muito utilizado por ele é o do café, em que são utilizados só  0,2% da biomassa das plantas usadas. Os materiais descartados podem servir para fazer com que cresçam fungos de grande qualidade: uma reconversão das plantações de café em 45 países criaria 50 milhões de postos de trabalho.

A Economia Azul não substitui a sua irmã mais famosa, a Economia Verde. Porém, esse novo conceito de Economia pode ser praticada com volumes menores de dinheiro e sem o apoio maciço dos Governos. Contudo, ainda falta a consolidação de suas diretrizes e sua popularização.

Para entender melhor, vale a pena dar uma olhada no vídeo.

(Clique em “CC” para ativar as legendas)

Até a próxima!

 

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA