Crianças dão exemplo e fazem campanha de cartas contra caça aos rinocerontes

CartereOliviaRise

“Prezado Presidente Zuma, por favor, pare de matar rinocerontes”. Assim começa uma das centenas de cartas coletadas pela One More Generation, uma organização sem fins lucrativos da Georgia (EUA), que busca ajudar a preservar espécies ameaçadas ao redor do mundo.

A One More Generation, também conhecida como OMG, foi fundada em 2009 por Carter e Olivia Rise, dois irmãos que estão agora com 11 e 10 anos de idade. Os dois energéticos jovens ativistas passaram os últimos anos fazendo campanhas contra poluição gerada por plásticos, para ajudar a acabar com os cruéis rodeios de cascavel, e levantaram dinheiro para ajudar chitas em vias de extinção, entre muitas outras conquistas.

Agora eles voltaram o seu foco para os rinocerontes, que estão sendo caçados a taxas sem precedentes na África do Sul, onde vivem 99 por cento dos rinocerontes do mundo. Até o fim do ano, pelo menos, 600 rinocerontes terão sido ilegalmente mortos por seus chifres, que são utilizados na medicina tradicional asiática, apesar de serem feitas a partir da mesma proteína que unhas humanas e não possuírem nenhum valor medicinal como prega a “moda” em voga no momento (em comparação, apenas 13 rinocerontes foram caçados em 2007).

“Nós ficamos chocados quando soubemos como a caça aos rinocerontes tornou-se severa”, disse Carter. “Ficamos realmente atordoados quando aprendemos como é doloroso para os rinocerontes, pois os caçadores cortam seus narizes e rostos apenas para retirar os chifres e deixam os pobres animais a morrer, o que por vezes leva dias. Minha irmã e eu percebemos que precisávamos dizer às crianças de todos os lugares sobre o que está acontecendo para que possamos obter ajuda de todos e salvar estes animais antes de se tornarem extintos”, completou o jovem ativista.

Carter e Olivia freqüentemente colaboram com a organização Proteção Estratégica de Espécies Ameaçadas (SPOTS) na África do Sul, e então perguntaram ao grupo que poderia ser feito para ajudar os rinocerontes. A SPOTS sugeriu que escrevessem cartas para o presidente Sul-Africano Jacob Zuma, implorando-lhe para criar mais proteções legais para os rinocerontes. “Eles perguntaram se poderíamos chamar os nossos amigos para escrever cartas para o governo Sul-Africano”, diz Olivia. “Eu disse, ‘Por que não podemos todos escrever cartas para o Presidente Zuma, para ver se ele nos ajuda a parar a caça furtiva?’ “.

Carter e Olivia definiram uma meta de coletar 1.000 cartas, que eles pretendem entregar pessoalmente no gabinete de Zuma quando visitarem a África do Sul em 2013. Até agora, eles já recolheram mais de 330 cartas de todo o mundo, e há promessas de receberem muito mais. Só uma escola de ensino médio na África do Sul disse à OMG que um pacote com cerca de 600 cartas está a caminho e chegará a eles nesta semana. Essas cartas vieram em resposta a um vídeo que Carter e Olivia enviaram para a escola há um mês atrás.

Os jovens ambientalistas estão esperançosos de que as cartas façam a diferença. “Eu vi fotos do Presidente Zuma e ele parece um homem bom”, disse Olivia. “Tenho certeza que ele irá nos ouvir e que irá ajudar antes que seja tarde”.

Carter diz que há uma série de providências que o Governo da África do Sul poderia tomar para reduzir a caça. “Eu gostaria que o Presidente Zuma aumentasse o tempo de prisão para as pessoas que forem pegas caçando rinocerontes. Então nós queremos que ele obrigue todos os caçadores a apresentar o nosso projeto de proteção aos rinocerontes em pelo menos 10 escolas locais, para que eles possam ensinar a próxima geração a não matar animais, não importa quanto dinheiro alguém lhe ofereça”, sugeriu Carter.

O site da OMG contém digitalizações de cartas que receberam até agora – muitas delas bastante comoventes – juntamente com dois modelos de carta para as pessoas que querem participar e instruções sobre como enviar com suas próprias palavras. A página também contém ilustrações temáticas de rinocerontes para colorir e muito mais informações sobre a crise da caça furtiva aos rinocerontes.

Embora a equipe já esteja se aproximando da meta de 1.000 cartas, cada carta adicional ajuda. “Talvez você também vá nos enviar uma carta”, diz Olivia. As cartas podem ser enviados para a caixa postal da OMG : PO Box 143627, Fayetteville, GA 30214, ou por e-mail para info@onemoregeneration.org.

Até a próxima!

 

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA