Depois da declaração de um bispo, dezenas de animais são mortos no Chile

bispocorno

Na cidade de Punta Arenas, no extremo sul do Chile, dezenas de cachorros apareceram mortos neste final de semana pelas ruas da cidade. Ao que parece, os animais foram envenenados. A onda de assassinatos aconteceu, depois que o bispo local, Bernardo Bastres, citou a bíblia para incentivar a população a matar os animais.

O representante da Igreja Católica concedeu uma entrevista ao jornal Hoy por Hoy, na última quarta-feira (9), na qual disse que algumas cidades na Europa tem autonomia para eliminar os cachorros de rua, quando eles são um incômodo para a sociedade.

“Deus criou todas as coisas e colocou-as a serviço do homem, esse é o princípio de Gênesis. Eu não estou dizendo que é para matar cães por matar cães, porque isso seria uma coisa de barbárie. Mas há uma invasão de cães e eles tem mais direitos que os homens”. Ou seja, ele queria que as autoridades chilenas assassinassem os cães de rua.

Os corpos de dezenas de cães estavam empilhados em caminhões da polícia militar chilena. . Dom Bernardo Bastres negou hoje as acusações de que estaria envolvido com a matança e lamentou as possíveis consequências de suas declarações.

Segundo a Secretaria Regional da Província de Magallanes, existem aproximadamente 12 mil cachorros morando nas ruas na capital Punta Arenas, número bastante superior à média entre as capitais provinciais chilenas, de 7,5 mil – excluindo Punta Arenas, a média das capitais diminuiria para 5,5 mil, segundo a secretaria.

Para quem não leu a matéria do jornal segue a imagem abaixo e em seguida a tradução da mesma.

Bisposalafrario

Bispo pede pela matança de cães de rua

Em Punta Arenas, o religioso pediu o que o governo mate 12 mil cães

Na parte interior do Chile é sabido que os cães de rua são abundantes. Estima-se que existam 12 mil cães abandonados apenas em Punta Arenas. E o problema não reside apenas na saúde, mas muitos desses cães que atacam sem qualquer razão. Neste contexto, o bispo de Magalhães, Bastres Bernardo disse que, neste caso, o Estado deve adotar as mesmas atitudes da Europa, se os cães não têm dono, o país deve removê-los.

O debate foi aberto no sábado, depois que um homem de 73 anos foi atacado por pelo menos seis cães na saída de uma igreja. O fato não foi mais grave, porque um sargento da polícia estava passando pelo local, juntamente com o cão da polícia, Laika, que contornaram a situação.

Depois de saber sobre o ataque, o bispo Bastres, que critica as ações das autoridades nesse assunto, disse que “estamos em um estado de emergência e deve-se agir como uma emergência.”

Indagado sobre que o pedido é contrário “a palavra do Senhor”, Bastres disse “Deus criou todas as coisas e colocou-as a serviço do homem, esse é o princípio de Gênesis. Eu não estou dizendo que é para matar cães por matar cães, porque isso seria uma coisa de barbárie. Mas há uma invasão de cães e eles tem mais direitos que os homens. “

Fim do Mundo
Antes, Bastres pediu para a população doar seus pertences a Igreja, porque temia 2012.

Ataque
No sábado, seis cães de rua atacaram um homem de 73 anos de idade, sem consequências.

Até a próxima!

 

Comente com sua conta do Facebook

comments

DEIXE UMA RESPOSTA